segunda-feira, 20 de setembro de 2010

E quando convidamos amigos vegetarianos?

Ontem foi isso que me aconteceu. Como - por sorte - eles são vegetarianos mas não são "esquisitos" com a comida, fiquei com mais liberdade para cozinhar :)

E também é uma vantagem nós aqui em casa adorarmos legumes. Assim pude usar imensos, e fazer uma refeição bastante rica.
Vou então indicar o que fiz, mas infelizmente não consegui tirar fotos, a não ser da sobremesa, que já coloquei no post anterior.

Para entrada, fiz uns folhados de queijo de cabra (cortei quadrados de massa folhada de compra e coloquei uma fatia generosa de queijo de cabra, fechei como uma "trouxa", levei ao forno e depois pincelei com manteiga) e uns folhados de cogumelos e queijo (salteei fatias finas de cogumelos em azeite e manjericão, temperando com sal, e coloquei nos quadrados de massa folhada com 1 fatia de queijo, fechei, levei ao forno e pincelei com a gordura de cozinhar os cogumelos).

Para prato principal, fiz massa pevide com cogumelos e legumes, que é semelhante ao que podemos ver numa receita que já tinha colocado, mas sem a carne ;)
- Fiz um refogado com cebola picada, alho, cenoura aos cubos e azeite
- Juntei imensos cogumelos (2 variedades diferentes) e bastante curgete aos cubos
- Temperei com flor de sal, colorau e folhas de manjericão
- Juntei quiabos e tomates aos bocadinhos
- Deixei cozinhar um pouco, e depois adicionei a massa pevide ou "orzo" e cozinhei como risotto:
- Juntei vermute seco, mexi, tapei e deixei cozinhar
- Fui juntando água aos poucos e mexendo, esperando até esta ser absorvida
- No final, quando a massa estava cozinhada e já não havia água na panela, salpiquei com queijo ralado e decorei com umas folhas de manjericão


Acho que eles aprovaram :)

2 comentários:

Clara disse...

Esses são os bons vegetarianos! Eu uso a receita do Bacalhau à Brás, sem bacalhau e com alho francês. O problema é quando os vegetarianos mais fundamentalistas não comem ovos... ups!

HVCA-CozinhaPontoCome disse...

Essa receita é uma boa opção :)

Se forem demasiado fundamentalistas, acho que uma boa solução é levá-los ao restaurante ;p

beijinhos